quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Dicionário Angola - Portugal

O português, sendo a língua oficial de Angola, é falada por todos os nacionais. Todavia, existem outras línguas e dialectos locais que também fazem parte da cultura angolana. Um dos mais comuns é o kimbundo. O kikongo também é bastante falado, apesar de ser originário do Congo [O Congo e a República Democrática do Congo norteiam Angola, apesar de apenas este último fazer fronteira]. Além disso, são inventadas novas palavras frequentemente. Um calão, que se espalha facilmente pelo país e além-mares. Portugal incluído.

Como sou um tipo porreiro, além de imensamente atraente, vou dar-vos uma lição de dialectos locais. Não me perguntem se é kimbundo, kikongo ou calão porque não faço ideia.

Imaginem dois amigos a conversar.

Versão Angolana:

"- Oxi camene! Já sabes se vens com a tua dama no machimbombo e se nos encontramos junto à zungueira para comprarmos o mata-bicho?
- Ainda.
- Qual é a maca?
- A dama tá incomodada e só pode ir se o machimbombo não fizer mbaias.
- Não tem maca, tás armado em pula? Aquilo não é uma candonga!
- Ya. m'baji, Xirimbimbi"

Versão Portuguesa:

"- Bom dia! Já sabes se vens com a tua namorada no autocarro e se nos encontramos junto à vendedora ambulante para comprarmos o pequeno-almoço?
- Ainda não.
- Qual é o problema?
- A minha namorada está doente e só pode ir se o autocarro não fizer manobras perigosas.
- Não há problema, estás armado em branco? Aquilo não é uma candonga!
- Ya. Até amanhã, Xirimbimbi "

Palavras e seu significado:

- oxi camene: bom dia [kikongo]
- dama: namorada
- machimbombo: autocarro
- zungueira: vendedora ambulante
- mata-bicho: pequeno-almoço
- ainda: ainda não
- maca: problema
- incomodado/a: doente
- mbaia: manobra perigosa
- pula: branco (com conotação ofensiva, normalmente)
- candonga: carrinhas azuis e brancas sobre as quais já tive oportunidade de escrever
- ya: sim [adivinhem de onde derivou esta tão usada palavra em Portugal? Alemanha? Errado!]
- m'baji: até amanha [kikongo]
- Xirimbimbi: Não tem significado. Mas é um apelido extremamente engraçado.

5 comentários:

  1. Boas Exmo. Senhor

    Deixa-me que te pergunte: QUE RAIO DE CONVERSA É ESSA QUE NÃO FAZ SENTIDO NENHUM??? Espero que as tuas conversas comecem a fazer sentido, caso contrário quando regressares a Portugal, além de falares num qualquer dialecto limitas-te a aglomerar um sem número de palavras que no seu conjunto querem dizer tudo (?!) e ao mesmo tempo não dizem nada. lol. Em todo o caso deixo-te usar o termo Xiribimbi quando quiseres mesmo que não faça sentido nenhum porque realmente não tendo significado é o melhor de todos,lolololol

    Agora, acorda a “bela adormecida” que está atrás de ti e comecem os dois a trabalhar. lol

    Ass: A rapariga cujo nome não se pode pronunciar (embora já o tenha feito uma meia dúzia de vezes) a não ser por código morse, e como não apetece saber como é que se faz não vale a pena assinar =P a menos que queiras que eu coloque um sem número de símbolos e coisas e cenas e tal. (Sabias que eu tinha de comentar… fui soft não fui?)
    Beijo Beijo

    ResponderEliminar
  2. Excelentíssima Senhora Dr.ª Anónima,

    A conversa foi-me ditada pelas vozes que vivem dentro da minha cabeça. Tinha de inventar um diálogo qualquer com todas as palavras que aprendi!!! Mas não há de fazer menos sentido que as vossas conversas sobre....sapatos!

    Digamos que o TEU nome pode ser pronunciado! Não há censura relativamente a esse ponto, percebeste, Hermengarda?

    E sim, foste soft e até estiveste bem! E eu que pensava que contigo era tudo hard. Mas pelos vistos é só aquela parte... :) *

    ResponderEliminar
  3. Eu iria comentar este post visto que há ali palavras que já tinha ouvido...
    Mas depois de ler os comments axei-me a mais. Vou comentar outro qualquer

    ResponderEliminar
  4. o que significa muruzai, ou muruizai?

    ResponderEliminar